O Legislativo perto de você


Enquete aponta: maioria da população aprova zona azul
21/03/2013



As enquetes realizadas recentemente apontam que a maioria da população piracaiense é favorável a implantação da zona azul no centro da cidade. 65,6% opinaram que são a favor, enquanto 34,4% contra ao sistema de estacionamento.  As enquetes foram realizadas por meio de três veículos de comunicação, sendo eles: o site oficial da Câmara Municipal, o jornal Piracaia Hoje e a Rádio Cachoeira FM. 
Finalmente, o anteprojeto da “Zona Azul Solidária” foi protocolado nessa última semana na Câmara Municipal por meio da indicação Nº 50/2013, de autoria do presidente da Câmara Wilson Teixeira (PSDB). A propositura foi encaminhada ao Executivo e aguarda o protocolo como Projeto de Lei vindo da Prefeitura, para a deliberação das comissões permanentes e finalmente para a apreciação plenária.
A zona azul é responsável pela exploração dos estacionamentos do município, em áreas previamente analisadas como sendo de procura maior do que o número de vagas existentes. Nada mais é do que a democratização dos espaços públicos para proprietários de veículos, com tempos menores, entre 30 minutos e duas horas, justamente para aquele cidadão que precisa cumprir algum compromisso de curto tempo na área central da cidade.
O presidente da Câmara, explica que a implantação da zona azul no município é uma necessidade atual, visto que ano a ano a população vai crescendo e com ela o número de veículos. Vai ficando difícil o trânsito na cidade e complicado o estacionamento.
"Toda mudança gera alguns conflitos, por isso surgiu a ideia de se fazer uma enquete para sabermos a opinião dos munícipes. A enquete foi realizada pelo site do legislativo, divulgada também no facebook, além de contarmos com enquetes paralelas realizadas pelo jornal Piracaia Hoje e pela Rádio Cachoeira FM. Em todos os veículos de mídia o resultado foi favorável a implantação. Portanto, apresentei o projeto respeitando a opinião do povo”, justificou Wilson.
“Conversei com muitos comerciantes que mostraram-se favoráveis a implantação. A maioria do comércio entendeu que o usuário vai poder estacionar perto da loja onde pretende realizar sua compra. É uma praticidade para toda população",
completou.