O Legislativo perto de você


Saúde é debatida em reunião de Audiência Pública
22/02/2010



Recentemente foi realizada reunião de audiência pública para debater as políticas, os programas, projetos e ações para a área da Saúde no município. Durante a reunião foi apresentado o relatório financeiro do quarto trimestre de 2009 e o acumulado no exercício. 
Conforme o balancete da Prefeitura Municipal, apresentado pela sra. Vilma Maia, até o mês de dezembro o valor da receita decorrente de impostos e transferências foi de R$ 22.408.135,33. Deste valor, 15% deveriam ser aplicados na Saúde (o que corresponderia a R$ 3.361.220,30), mas a aplicação foi de 19,34%, equivalente a R$ 4.334.419,35.  


O vereador Prof. Wanderley (DEM) pediu explicações sobre o aumento do valor pago aos plantões médicos na Santa Casa, solicitando ainda uma revisão desses valores para que não onere a entidade.  Em seguida, a diretora do Departamento da Saúde, Claudia Leôncio, teceu comentários a respeito das ações realizadas para as famílias atingidas pelos alagamentos, orientando-as sobre prevenções e cuidados com doenças transmitidas por situações de alagamentos e enchentes, como a Hepatite A e a Leptospirose, por exemplo. Além disso, também foi discutida a preocupação sobre diversos pontos com acúmulo de água parada, oriundos das constantes chuvas, que poderão servir como focos de reprodução do mosquito da dengue. 


Por fim, foi informado que a vacinação contra a gripe H1N1 será realizada a partir de março. Porém, conforme orientação do Ministério da Saúde, será destinada a alguns grupos e faixas etárias pré-determinados, priorizando os trabalhadores da área de saúde envolvidos no atendimento aos pacientes, grávidas, crianças entre seis meses e dois anos de idade, pessoas com doenças crônicas de base, e também adultos de 20 a 29 anos.